O stoner doom gótico e psicodélico do Black Mantra

O que seria uma mistura de psicodelia doomzera com aquela atmosfera gótica macabra? A banda underground, localizada em Vitória da Conquista, Bahia, é um exemplo perfeito do que estamos falando.

Black Mantra é uma banda independente de doom stoner que nos remete muitas vezes ao gothic rock em um clima bem soturno. Com riffs lentos na guitarra, arrastadamente pesados e característicos do gênero doom influenciado pelos anos 60/70, somados a um órgão extremamente sinistro, nos passam um som obscuro com interferências muuuito góticas. Como algo melancólico e, ao mesmo tempo, alucinógeno.

Porém, outra grande influência e também característica marcante em toda essa gothadelia são os vocais parecidíssimos com o grave e lento de nosso querido e falecido Peter Steele do Type O Negative! Impossível não ter sido inspiração, apesar de ainda assim ser um som único.

The rooster crows at the cemetery
Lighting your old memories
Your blade is cold like a gravestone
Cutting the flash until the bone
” – eles dizem.

Em suas letras costumam falar de ocultismo, relações pessoais, misantropia, sexo e, nosso tema favorito, filmes de terror! Temos ainda a música ‘The Left Hand” com um trecho da Missa de Satã de Anton Lavey.

A banda surgiu em 2013, lançando 5 faixas no EP chamado “From the Graves of Madness” e um full length homônimo à banda, em 2016. Os álbuns foram gravados por Dimitri Garcez com os amigos Jefferson Souza, Felipe Lima e Felipe Brito. Mas, segundo Dimitri, a banda (ele) encerrou suas atividades na gravação do segundo álbum. (infelizmente…)

Porém, para não ficarmos tão tristes, o fã de Misfits e Joy Division, Dimitri, montou outra banda, chamada Dumblegore, que já lançou um disco. Para o segundo disco, as expectativas são altas!

Você pode comprar o primeiro e último álbum “Black Mantra” da banda Black Mantra pelo site da Mindscrape Music.

Espero que tenham gostado! Beijos macabros e até o próximo post.

Matéria originalmente publicada no blog RetroGoth666.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *